segunda-feira, 21 de junho de 2010

Futencom arrecada R$ 29 mil por mês e pontos continuam sucateados



Em março deste ano uma reportagem do JB fez um levantamento e mostrou o sucateamento dos pontos de ônibus e coberturas da cidade, cuja troca e manutenção podem ser feitos com os recursos do Fundo do Transporte Coletivo Municipal (Funtecom).
A reportagem do JB percorreu importantes ruas e avenidas da cidade e mostrou pontos de ônibus em péssimo estado de conservação.

O ponto que ilustrou a reportagem, localizado no final da Avenida José da Costa Leite, Vila São Carlos, onde os usuários são obrigados usar um equipamento feito pela gestão do ex-prefeito Mario Roque (PMDB), estava com a cobertura furada, banco de ferro amassado e cercada de matos (esquerda).

Passados quase três meses que resultou numa arrecadação do Funtecom de quase R$ 90 mil, que teve apenas o mato cortado pela prefeitura, o banco continua amassado e a cobertura furada (direita).

Todos os demais pontos registrados pela reportagem continuam no mesmo estado, sujos, com a estrutura enferrujada, com a logomarca da gestão anterior e sem nenhuma manutenção. O valor de R$ 90 mil leva em conta, a informação do secretário de Serviços Urbanos, Vilmar Cruz, repassada ao JB que, neste ano, o orçamento prevê uma arrecadação de R$ 356.000,00 de Funtecom.


Sem alteração e sem manutenção


O JB percorreu novamente as avenidas Coronel José Lobo, Bento Rocha, Bento Munhoz da Rocha Neto e Roque Vernalha e as ruas Domingos Peneda e Julia da Costa e a Alameda Coronel Elísio Pereira.

Dos 23 jogos de pontos de ônibus feitos pela atual administração e um total de nove jogos reformados de pontos feitos pela administração Mário Manoel das Dores Roque, apenas um novo ponto foi construído. Ele se encontra na Avenida Bento Munhoz da Rocha Neto, na altura do bairro Bertioga, e o modelo que leva a logomarca da administração atual, pequeno em tamanho e na cobertura. Em dias de chuva, o minúsculo toldo não protege os usuários e impede o uso do banco, conforme comprovou a reportagem do JB.

Vale ressaltar que 90% dos pontos e coberturas usados pelos usuários do transporte coletivo são da gestão do ex-prefeito Mário Roque onde pode se ver, inclusive, a logomarca nos toldos vermelhos. Porém, a maioria continua suja e sem nenhuma manutenção.

AJUDE ESTE JORNALISTA MANTER ATUALIZADO ESTE BLOG E, ANTES DE SAIR, CLIQUE EM UM DOS COMERCIAIS.

Nenhum comentário:

Postar um comentário