quinta-feira, 17 de junho de 2010

Dá para entender?


Na quarta-feira o secretário da Administração Márcio Costa (foto) foi chorar miséria na Assembleia dos servidores dizendo que a prefeitura não tem grana para dar aumento, apenas a reposição de 5,49% que é obrigatória.

Ele recordou a crise mundial de 2009, a queda do FPM e dos impostos, a questão do limite prudencial nos gatos com a folha de pagamento, Lei de Responsabilidade e tudo mais. Quase chorei e por pouco não fiz uma vaquinha entre os servidores presentes para ajudar a prefeitura.

Mas neste mesmo dia que Márcio chorou miséria em nome da prefeitura, fio publicado um edital de pregão para contratação de assessoria de informática no valor de R$ 2.400.000,00 para fins de aumentar a arrecadação de impostos.

E no dia seguinte, hoje, o Portal Público estampa a notícia da contratação de 171 profissionais na área de educação com salários que variam de R$ 785,30 a R$ 1.570,60.
Fiz uma continha simples e básica levando em conta que todos os 171 profissionais recebessem R$ 785,30. Sabe o que isso representa de aumento na folha de pagamento, essa mesma que Márcio chorou miséria? A bagatela de R$ 1.611.435,00 ao ano.

Ué, para assessoria de informática (R$2,4 milhões ao ano) e aumento do quadro de servidores (R$ 1,6 milhão ao ano) tem grana? Dá para entender?


AJUDE ESTE JORNALISTA MANTER ATUALIZADO ESTE BLOG E, ANTES DE SAIR, CLIQUE EM UM DOS COMERCIAIS.

2 comentários:

  1. Porque o próprio Baka não vem falar com o funcionalismo? Talvez ele não consiga explicar o inexplicável.

    ResponderExcluir
  2. Sabe que vc tem razão? Ele seria a pessoa mais indicada para discutir com os servidores esta situação.

    ResponderExcluir