segunda-feira, 26 de abril de 2010

Os diversos PSDB de Paranaguá



Ainda estou surpreso com o fato do presidente do PSDB de Paranaguá, o vice-prefeito Fabiano Elias (foto), não ter sido convidado para o evento de logo mais às 19 horas, a Caravana Tucana, que envolve a Juventude Tucana do Paraná.

Até entendo que o PSDB de nossa cidade esteja super dividido, afinal, são quatro diferentes grupo tucanos na cidade. Temos o PSDB do presidente Fabiano Elias, o PSDB de Nabil, o PSDB de Fregonese (leia-se Paulo Henrique do CEEG) e o PSDB do vereador Edu que está no comando deste evento de hoje. O que não consigo entender é a falta de respeito com a hierarquia partidária estabelecida, pois de qualquer forma, Fabiano é o presidente destes quatro grupos políticos do PSDB e o respeito deve ser mantido.

Assim sendo penso que o convite deveria ser feito, mesmo querendo que ele não fosse aceito, mas por respeito ao cargo, isso era algo senão obrigatório, pelo menos educado.

Agora quem tem que por as barbas de molho nesta situação é o candidato ao governo do Estado, Beto Richa. O moço tem tudo para ser governador do Estado, mas ele não pode se esquecer da eleição passada, onde Osmar Dias perdeu por uma mixaria de votos e que poderiam ser obtido em nossa cidade, não fosse a divisão do PDT na época.

Sou daqueles que ainda acredita que um mesmo raio pode cair duas vezes no mesmo local. E como dizem os mais velhos (portanto sábios), caldo de galinha e precaução não fazem mal a ninguém.


AJUDE ESTE JORNALISTA MANTER ATUALIZADO ESTE BLOG E, ANTES DE SAIR, CLIQUE EM UM DOS COMERCIAIS. OBRIGADO

4 comentários:

  1. Olá Gil;

    Lamento que as coisas estejam acontecendo desta forma.
    O PSDB lutou muito para chegar ao momento em que hoje não se diz mais amém à determinações deste ou daquele político.
    Ainda temos um longo caminho a percorrer mas infelizmente é triste identificar ações fragmentadoras em algumas lideranças.
    Eu sou do agrupamento, da conciliação. Mas se for para brigar sou melhor ainda.
    É tiste perceber que defensores ferrenhos da candidatura de Álvaro Dias estejam promovendo a fragmentação partidária, não só em Paranaguá, mas em várias cidades do estado.
    É uma movimentação orquestrada para enfraquecer o crescimento do Beto Richa e sustentar a candidatura do Osmar Dias, irmão do Álvaro.
    Como o filho do Beto Richa é o Presidente da Juventude do PSDB no estado do Paraná e a caravana vem percorrendo o interior do estado com escelentes resultados, a movimentação destes Alvaristas é no sentido de boicotar e atrapalhar essa movimentação.
    Alvaristas e um grupo minoritário do PSDB juntos em Paranaguá promovendo um encontro sem o aval da municipal e sem convidar o Vice Prefeito e Presidente do partido.
    Sabe qual é o resultado? O Marcello Richa não vem para a reunião. Gente grande não participa desses enfrentamentos mesquinhos e levianos.
    Enfrentemos a tempestado, porque depois vem a bonança!

    ResponderExcluir
  2. Fabiano,fique na sua! Dentre os prováves candidatos a prefeito para as eleições de 2012 voce é ainda a melhor opção.

    ResponderExcluir
  3. Realmente vc está certo e, mais ainda, pelo jeito é você que está bem com a cúpula tucana, pois cantou com três horas de antecedência que Marcelo Richa não vinha. Dá entender que está com prestígio junto ao ex-prefeito Beto Richa. Senti firmeza.

    ResponderExcluir
  4. Pedro;

    Obrigado pela confiança e pela mensagem. Tenho tentado me manter o mais tranquilo possível nesse jogo, mas em alguns momentos a gente tem que pular senão a rasteira pega na canela...
    Estou avaliando a sua colocação, que não é a única sobre esse tema que recebo nos últimos dias.
    Obrigado.


    Gil;

    Quanto ao Marcello, ele veio a Paranaguá, atendendo o nosso convite para participar de um programa sobre voto aos 16 anos e movimento estudantil no nosso programa de rádio, na sexta feira.
    Acredito que ele não tenha atendido o convite do vereador Edu por algum motivo bastante justificável.

    ResponderExcluir